Seguidores

segunda-feira, agosto 01, 2016

Estudos para Célula de Criança - Neemias


 Neemias era servo do Senhor e trabalhava como copeiro do rei da Pérsia. Certo dia, um dos irmãos de Neemias chegou de Judá com um grupo de outros judeus. Então Neemias pediu notícias da cidade de Jerusalém e dos judeus que haviam voltado do cativeiro na Babilônia. Eles lhe...


Data: 07/08/2016
Título: “Neemias”
1- Recepção / Bate-papo (Receba as crianças, cumprimente-as e converse um pouco com elas sobre a sua semana).
2- Louvor / Adoração
3- Oferta: Ensine as crianças que não devemos chegar à presença de Deus com as mãos vazias, que devemos trazer sempre a nossa oferta de gratidão e de amor a ele.
4- Pedidos de Oração: Líder, ore por todas as crianças da célula e seus pedidos específicos. 
5-Revisão da lição anterior:  Faça perguntas da ultima lição dada.
6- Objetivo: Ensinar às crianças a se compadecer pelas necessidades das outras pessoas.
7-Quebra-Gelo: Você sabe o que é compaixão? Dê exemplos. (Líder, deixe as crianças falarem o que elas pensam, e depois esclareça que a compaixão não é simplesmente sentir pena do sofrimento dos outros, mas, se colocar no lugar da pessoa e sentir a dor que ela está sentindo, mais que isso, é fazer algo para aliviar esse sofrimento ).
8- Versículo para Memorizar: Cristo deu a sua vida por nós, por isso nós também devemos dar a nossa vida pelos nossos irmãos. 1 João 3:16
9- Referência Bíblica: Neemias 1 e 2
10-Mensagem: Neemias era servo do Senhor e trabalhava como copeiro do rei da Pérsia. Certo dia, um dos irmãos de Neemias chegou de Judá com um grupo de outros judeus. Então Neemias pediu notícias da cidade de Jerusalém e dos judeus que haviam voltado do cativeiro na Babilônia. Eles lhe contaram que aqueles que não tinham morrido e haviam voltado para a província de Judá estavam passando por grandes dificuldades. Disseram, finalmente, que as muralhas de Jerusalém ainda estavam caídas e que os portões que haviam sido queimados ainda não tinham sido consertados. Quando Neemias ouviu isso, sentou-se e chorou. Durante alguns dias, ficou mal e não comeu nada. Orou ao Senhor dizendo: — Ó SENHOR, Deus do céu, Tu és fiel e guardas a tua aliança com aqueles que te amam e obedecem aos teus mandamentos. Eu confesso que nós, o povo de Israel, temos pecado. Mas ouve agora a minha oração e as orações de todos os outros teus servos que têm prazer em te adorar. Faze com que eu tenha sucesso hoje e que o rei seja bondoso comigo. Um dia, quando o rei estava jantando, Neemias o serviu vinho. O rei nunca havia visto ele triste e por isso perguntou: — Por que você está triste? Você não está doente; portanto, deve estar se sentindo infeliz. Então ele respondeu: — Como posso deixar de parecer triste, quando a cidade onde os meus antepassados estão sepultados está em ruínas, e os seus portões estão queimados? O rei perguntou: — O que é que você quer? E Neemias disse — Deixe que eu vá para a terra de Judá a fim de reconstruir a cidade onde os meus antepassados estão sepultados. O rei mandou que fossem com ele alguns oficiais do exército e uma tropa da cavalaria. Depois que chegou a Jerusalém não contou a ninguém o que pensava fazer pela cidade de acordo com o que Deus havia posto em seu coração durante três dias. Até que no quarto dia, Neemias se levantou no meio da noite e saiu, junto com alguns amigos. Só levou um animal, o jumento que montava. Conforme andava pela cidade, ia examinando as muralhas da cidade que haviam sido derrubadas e os portões que haviam sido destruídos pelo fogo. Nenhuma das autoridades da cidade ficou sabendo de Neemias. Até ali, ele não tinha contado nada a nenhum dos judeus — aos sacerdotes, às autoridades, aos oficiais ou a qualquer outra pessoa que iria tomar parte no trabalho, então falou a eles: — Vejam como é difícil a nossa situação! A cidade de Jerusalém está em ruínas, e os seus portões foram destruídos. Vamos construir de novo as muralhas da cidade e acabar com essa vergonha. Então contou a eles como Deus havia o abençoado e o ajudado. Também contou o que o rei tinha dito. Eles disseram: — Vamos começar a reconstrução! E se aprontaram para começar o trabalho. Porém alguns homens souberam do que estavam fazendo. Eles começaram a rir e a caçoar de deles. E disseram: — O que é que vocês estão fazendo? Vocês vão se revoltar contra o rei? Neemias respondeu: — O Deus do céu nos dará sucesso. Nós somos servos dele e vamos começar a construir. Neemias e o povo se dispuseram a trabalhar e realizaram a obra em apenas 52 dias!
10- Aplicação: Neemias morava em outro país, ganhava muito bem trabalhando para o rei, mas quando soube que a cidade dos seus antepassados foi destruída, ficou muito compadecido e resolveu ir ajudar a reconstruir essa cidade. Imagino que Neemias não tinha muito conhecimento sobre levantar muros, mas ele sabia que Deus o capacitaria e daria todos os recursos necessários. Conosco também é assim, sempre quando você souber de alguém que precisa da sua ajuda, se proponha a ajudá-la! Mesmo que você não tenha muita amizade com ela, Deus vai te capacitar para ajudar essa pessoa. É muito bom ver as pessoas felizes, principalmente quando nós contribuímos para isso.
11- Atividade: Líder leve várias caixas, o melhor é que sejam de sapatos. Cole em cada uma das caixas uma parte do versículo a ser memorizado. Coloque na ordem e repita o versículo junto com as crianças.
12- Comunhão / Encerramento

2 comentários:

  1. Parabéns pelo trabalho e dedicação em compartilhar.
    Foi resposta de oração para mim, pois estava precisando "fechar/concluir" as idéias sobre este texto para fazer uma devocional com as crianças. Deus os abençoe MUITO mais.
    Sueli da Igreja Presbiteriana de Osasco.

    ResponderExcluir
  2. Repetir a oração de Neemias é fantástico. Preparando tudo p amanhã ;)

    ResponderExcluir

TRADUTOR